Região norte

O Ártico está em mudança. No norte, o efeito das alterações climáticas e do degelo cria desafios mas também promove oportunidades. A cooperação internacional é mais importante do que nunca.

Cerca de 10% da população norueguesa vive a norte do círculo polar. Desde durante milhares de anos que as pessoas procedem à recolha dos recursos locais. O Ártico tem uma grande riqueza proveniente dos minerais, do petróleo, do gás, dos animais, dos peixes e dos frutos do mar. A investigação sobre o clima e a biologia marinha abre espaço a novas indústrias. Por esta razão, está no topo da agenda da Noruega um equilíbrio seguro e saudável entre a utilização e a proteção. Desejamos facilitar uma cooperação global, tendo como base o direito e o conhecimento internacional.

A noruega deseja contribuir para

  • garantir a paz, a estabilidade e a previsibilidade
  • assegurar o balanço entre a utilização e a proteção através da gestão sustentável dos recursos
  • promover a cooperação e o direito internacional
  • aumentar a empregabilidade, a criação de riqueza e o bem-estar nas regiões do norte
skip@2x.png

Navegação nas regiões polares

80% da navegação marítima no Ártico passa por águas norueguesas. A 01 de janeiro de 2017, o Código Polar entrou em vigor implicando normas ambientais mais rigorosas para a navegação nas regiões polares.

plattform@2x.png

Os recursos de petróleo e de gás no Ártico

um quinto dos recursos de petróleo e gás por descobrir poderá estar localizado no Ártico, segundo a US Geological Society.

Esforços da noruega

  • presença nos mares dos norte para manter a soberania, a execução da autoridade, a vigilância e a prontidão
  • administração de recursos com base no conhecimento científico
  • trabalho para assegurar que o direito marítimo seja cumprido e para fortalecer o Conselho Ártico como o fórum mais importante na cooperação ártica
  • investimento em capital semente, pesquisa e infraestruturas de forma a impulsionar a inovação e o desenvolvimento tecnológico
verden@2x.png

Conselho Ártico

oito países árticos são membros do Conselho Ártico. Doze estados não árticos são observadores. O Conselho Ártico é o único fórum de cooperação a nível governamental que reúne todos os países árticos.

Satelitt@2x.png

Satélites noruegueses

os satélites noruegueses fornecem informação valiosa e reforçam a gestão dos recursos, meio ambiente e a segurança marítima no norte. Estes contribuem para uma investigação dirigida ao futuro e à indústria em Svalbard.